O arquivista

Blog para falar de arquivos e da arquivistica portuguesa e lusófona. Uma memória para os arquivos e para a cultura em Portugal.

domingo, junho 15, 2008

SEMINÁRIO SOBRE MACROAVALIAÇÃO

DGARQ - 19 de Junho

"Seminário internacional dedicado ao tema “Macroavaliação: uma perspectiva necessária ao processo de avaliação arquivística?”
Este seminário contará com a presença de convidados da Holanda, do Canadá e da Nova Zelândia, que apresentarão as experiências de macroavaliação desenvolvidas nos respectivos países. Num amplo espaço de debate sobre cada intervenção, e em mesa redonda com a participação de convidados nacionais, procurar-se-á extrair da experiência alheia lições que possam ser úteis à renovação do processo de avaliação arquivística vigente em Portugal."

Inscrições: Programa/Ficha de Inscrição do Seminário de Macroavaliação

2 Comments:

  • At segunda-feira, junho 23, 2008 4:44:00 da manhã, Blogger Zeetoba said…

    Hay una preocupación clara, por lo menos en México y Colombia,
    para fortalecer nuestro campo de trabajo archivístico. El
    reconocimiento del archivista en la diaria construcción de la
    metodología archivística y los inmediatos retos que se encuentran
    a la vista. Hace exactamente cuatro días (18 de junio de 2008) la
    Escuela Nacional de Biblioteconomía y Archivonomía, tuvo el alto
    honor de recibir a dos personalidades, que si bien, han marcado un hito
    en esa construcción de nuestra disciplina de la que he hecho
    mención, las Doctoras Antonia Heredia Herrera (España) y, Branka
    María Tanodi (Argentina). Como lo he mencionado en un pequeño
    artículo, el tiempo fué el verdugo en estos eventos de gran
    trascendencia. El legado que nos dejan, habrá de continuarlo el
    archivista de todos los rincones. Edgar Espinosa Osorio
    http://www.urbietorbiarchivonoma.blogspot.com

     
  • At quinta-feira, julho 03, 2008 11:31:00 da tarde, Blogger Miguel Rui Infante said…

    Obrigado colega pela participação e parabéns pelo teu blogue.
    Na realidade hoje em Portugal está em discussão a macro-avaliação. Não sei bem o que pensar... mas parece-me qua a nossa realidade administrativa e de vivência institucional não são muito apelativas para a utilizaçãop desta "moda". Quem sabe?

     

Enviar um comentário

<< Home